FATRI difunde mundialmente estudos de N. Keppe sobre Espiritopatologia

FATRI difunde mundialmente estudos de N. Keppe sobre Espiritopatologia

O Depto. de Teologia da Faculdade Trilógica Keppe e Pacheco – FATRI, dentro de seu projeto de divulgação dos estudos sobre Espiritopatologia, disponibilizou gratuitamente a médicos, psiquiatras, psicoterapeutas, líderes religiosos do Brasil e do Exterior, e outros interessados, as obras mais recentes de Norberto Keppe, Psicoterapia e Exorcismo e Socioterapia e Exorcismo.
As obras tratam da semelhança entre neurose/psicose e os casos chamados de possessão, demonstrando que o doente mental e o possesso devem ser tratados não unilateralmente, mas abrangendo sua parte psicofísica e a espiritualidade. Elas estão disponibilizadas nos sites:

O interessado deve se cadastrar e informar se gostaria de receber, gratuitamente, o livro em formato eletrônico, ou na modalidade impressa. Psicoterapia e Exorcismo está traduzido para o inglês, espanhol e italiano e sendo traduzido para o francês. Socioterapia e Exorcismo encontra-se em português e inglês.
Até o momento solicitaram e receberam as obras 521 interessados, a maioria religiosos, psicoterapeutas e médicos psiquiatras, sendo 224 das adesões provenientes do Brasil e o restante de inúmeros países do globo.
Veja o mapa:

O AUTOR E AS OBRAS

Psicanalista, cientista social, físico (pesquisador independente), autor de 42 livros, alguns publicados em 7 idiomas, além do português, Keppe trabalhou 17 anos nos EUA e Europa, onde desenvolveu importante parte de sua obra, no campo da Sociopatologia, da Metafísica e da Nova Física, sendo considerado pelo CNRS (Centro Nacional de Pesquisa Científica) da França como “sem dúvida, o mais original autor heterodoxo entre os contemporâneos”.

“Exorcistas e psicanalistas trabalham no mesmo plano.(…) fazer exorcismo é realizar psicoterapia, assim como fazer psicoterapia é também realizar exorcismo, porque são dois fatores semelhantes, nesta e na outra vida sobrenatural (…) pois toda doença é ligada aos fatores físicos, e no mesmo instante aos espirituais – é por esse motivo que o médico ateu, e o religioso fanático, têm tanta dificuldade em suas atividades”, afirmou o psicanalista.

“Se não for realizada a junção entre a psiquiatria e espiritualidade, não será possível entender o que se passa com os indivíduos doentes, porque todas as doenças têm patologia física e psicossomática, pois qualquer perturbação que apareça em algum campo, tem a influência do outro – as leis dos males físicos, carregam as dos psicológicos, e vice-versa. Posso dizer que Medicina e Espiritualidade separadas são inimigas, enquanto que unidas, amigas”.

Com o intuito de alcançar o máximo de conscientização sobre a psico-sócio-espírito-patologia, a FATRI disponibilizou também, nos idiomas: português, inglês, espanhol e italiano, o livro A Glorificação, e um Capítulo do livro Contemplação e Ação, (“Um Estudo Sobre o Demônio”), bastando que a pessoa se cadastre para recebê-los.

Gostou desta publicação?

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

• Usamos cookies para garantir que oferecemos a melhor experiência em nosso site. Se você continuar a usar este site, assumiremos que está satisfeito com ele. Política de Privacidade

• We use cookies to ensure that we give you the best experience on our website. If you continue to use this site we will assume that you are happy with it. Privacy Policy

Abrir WhatsApp
1
Dúvidas?
Olá!
Dúvidas? Nossa equipe está pronta para atender você!
Skip to content